A negociação é utilizada para divergências que não necessitam de uma intervenção judicial mas de um terceiro capacitado para resolver a lide, sempre presando pelo método adequado de resolução de conflitos. É cabível para aqueles casos que não envolvam qualquer relação afetiva entre as partes, e estas, por meio de um acordo resolvem o conflito, que geralmente é de ordem material, como cobranças por exemplo.